Bruno 'Impakt' Moutinho nomeado a CSO da FTW eSports Club

FTW

Jul 14, 2015

É com orgulho que a FTW eSports Club oficializa publicamente a nomeação de Bruno "Impakt" Moutinho a CSO da FTW eSports Club.

 


A posição de CSO (Chief Strategy Officer) é fundamental na estrutura da FTW eSports Club. Em bom português, o Chefe da Secção Estratégica da FTW tem uma responsabilidade grande nos seus ombros, respondendo directamente ao CEO, exercendo uma função extremamente específica que se exprime através do desenvolvimento, comunicação, iniciativas sustentáveis e sua respectiva execução. 

 

 

De forma a darmos a conhecer um pouco mais o nosso CSO fizemos-lhe uma pequena entrevista.

 

 

P. Olá Impakt, desde já os meus parabéns pela promoção dentro da FTW. Como surgiu esta oportunidade?

R. Bom, primeiro que tudo gostava de agradecer mais uma vez o voto de confiança e a oportunidade, e espero vir a ter um bom "impacto" (passando a piadinha à frente, que já está mais do que velhinha) não só na FTW como também na comunidade.

Há uns meses atrás, depois de um processo de retorno ao competitivo que acabou por se revelar algo atribulado, vim a fazer parte da equipa de League of Legends da FTW. Contudo, com o passar do tempo vim-me a aperceber de que o meu focoe a minha mentalidade já não era aquela de um jogador, mas sim de alguém que se interessa mais por tudo o que está por detrás dos jogadores - pela organização e pelas infra-estruturas que facilitam a gestão de equipas e comunidades. Com o passar do tempo reparei também de que a própria organização dava um valor diferente às minhas opiniões e feedback - algo a que dei bastante valor. Como tal, tomei a iniciativa de falar com o Exmo. Sr. Dr. Ramiro Teodósio e propor uma troca de papéis dentro da própria organização e vou trabalhar para que seja uma mudança que traga mais valias a ambas as partes.

 

 

P. O que te motivou a te propores a este cargo na nossa organização?

R. Não foram poucos motivos que me levaram a tomar esta decisão, mas posso mencionar alguns: a capacidade de adaptação face a dificuldades deu-me a entender de que estava a lidar com pessoas que de facto partilhavam de um tipo de mentalidade semelhante à minha; acho que, com o trabalho que tenho feito até agora, tenho um "know-how" que poderia ser importante para uma organização como a FTW. Apesar de fazer conteúdo maioritariamente em inglês, uma das principais razões para ter sido bem sucedido foi o apoio da comunidade portuguesa e sinto que de alguma forma preciso de retribuir - fazer parte de uma organização como a FTW facilitará isso mesmo; Partilho também de algumas ideias e de opiniões completamente distintas das restantes pessoas responsáveis pela organização. Como tal, espero vir a trazer uma mais valia a todos, especialmente no que toca a encontrar soluções para os diversos problemas.

Penso que numa organização são necessárias pessoas com opiniões distintas para que as opções sejam o mais vastas possível e nisso sei que conseguirei ajudar.

 

 

P. Estás quase a fazer 6 meses como membro FTW, o que tem sido bom e mau, e se há alguns aspectos que distingam a FTW das demais.

R. Em todos os percursos existem sempre pontos positivos e outros nem tanto. Contudo, se não ultrapassarmos fases menos positivas nunca daremos importância ao que realmente funciona bem. 

Até agora, aquilo com que acabei por me debater mais foi com a própria equipa de League of Legends - as diferenças de horários e as etapas de vida diferentes em que cada um dos membros se encontrava dificultava a existência de treinos regulares - posto isto, optei por tomar uma decisão que penso ter sido a mais saudável para ambas as partes.

Quanto à questão da distinção da FTW às restantes organizações... Digamos que é uma pergunta matreira. Eu até agora fiz parte de algumas organizações, sendo que a última foram os uP e apesar de ter gostado bastante de fazer parte da casa e de tentar manter uma boa relação com as pessoas envolvidas, sinto que a minha opinião é valorizada de outra forma na FTW. Esse é, para mim, o principal ponto de distinção entre as diversas organizações: a capacidade de aceitar críticas, sejam elas positivas ou negativas, e seja isso óbvio para os restantes membros da comunidade ou não. Mais uma vez, é a minha opinião e fruto da minha experiência pessoal.

 

 

P. Com este teu novo cargo tens algum projecto já em mente que possas revelar?

R. Penso que revelar já projectos seria algo prematuro. Aquilo que posso dizer é que irei fazer os possíveis (tal como tenho feito até agora, publicamente ou não), para trazer novas ideias à organização e continuar a ajudar naquilo que me for possível.

 

 

P. Para ti o que é ser FTW, membro FTW e CSO da FTW?

R. Eu detesto clichés, portanto vou evitar os termos óbvios, ficando-me por: é uma responsabilidade enorme que cumpro com muito gosto e orgulho.

 

 

Podes seguir o facebook do Bruno "Impakt" Moutinho em LINK.

 

 

O Presidente da Direcção Dr. Ramiro Teodósio deixou-nos também algumas palavras sobre esta nomeação:

"Quando recebi a proposta por parte do Impakt não foi com grande surpresa. Há algo muito próprio dentro da FTW... não temos segredos! Seja ele defeito ou não, somos uma organização, e enquanto eu estiver no seu comando, será sempre clara como a água. Assim, desde muito cedo coloquei sempre o Impakt a par de diversas secções da FTW, problemas, situações por e para resolver, mudanças estratégicas e afins o qual foi conselheiro durante bastante tempo. Assim sendo, uma coisa acabou por levar à outra. Gosto de tratar os meus membros, sejam eles staff, sejam eles jogadores, conforme os meus princípios basilares de vida. Na minha opinião a FTW não é do "Teodosius", ou do "Enigmatyk", ou do "Swizer", ou do "Buondi", ou do "Adapta", a FTW é de todos quanto dela fazem parte, a constituem, fazem ser o que ela é e querem que ela seja ainda mais. Estes 4 "nicks" que referi, são por exemplo pessoas fundamentais à existência daquilo que é a Associação For The Win eSports Club. Por mais que eu como CEO tenha um pulso firme, tomada de decisões assertivas e sempre em prol do Gaming nacional, sem o auxílio destas pessoas tudo isso seria impossível. O Impakt por sua vez entra numa fase fundamental da FTW, ou seja, na fase da sua maturidade. A FTW já deu provas do que é, do seu papel fundamental nos eSports em Portugal e do quão legítimo todo o projecto é. Tenho sim a lamentar que outros que por serem mais fracos tentem sempre colocar os pés em cima e até nos chamarem de algo irreal. O que é certo é que, apenas tentam pois só nos tornam ainda mais fortes e 2015 tem sido um ano evidente onde se denota as falsas organizações e falsos projectos daquelas que realmente estão ao serviço da comunidade e não de interesses individuais. Nestes termos a nomeação do Impakt a CSO foi um processo bastante simples e é com orgulho que tenho como um dos meus braços direitos aquele que é o maior streamer nacional, uma das pessoas mais profissionais e correctas que conheço, e sem dúvida dos poucos legítimos "self-made man" em eSports. Um bem haja a todos, e hoje continuamos a preparar o futuro, um futuro real, consolidado e sério".

 

O Departamento de Newswriting da FTW eSports Club

 

 

Autores:  Diogoambf
Categorias: FTW

Voltar a Notícias