Após o anúncio do reforço da secção de FIFA, a For The Win volta a apresentar novos reforços para FIFA, mas desta vez anunciamos a entrada dos Legacy, uma equipa que tem dado cartas no Pro Clubs.

Não é só de 1vs1 que vive o FIFA, o Pro Clubs tem se vindo a destacar com cada vez mais equipas, mas há uma que tem vindo a conquistar o seu lugar no lote de equipas. Os Legacy, apesar de terem apenas um ano de existência, já conseguiram obter um top 10 mundial em FIFA 17, tendo sido a única equipa portuguesa a fazê-lo.

A equipa é constituída por 17 jogadores, mas dentro de campo como é habitual entram apenas 11 jogadores, como responsáveis pela equipa estão o Daniel "Ibracadabra" Dias, o Marco "Markitos" Gonçalves e o Guilherme "Costaport" Costa. Para acompanharem a equipa, poderão fazê-lo de várias formas, pelo Twitter, pelo Facebook, no Youtube onde poderão ver ou rever os melhores momentos dos jogos da nossa equipa e por fim na Twitch onde poderão assistir ao vivo aos jogos e aos treinos.

 

Com o FIFA 18 à porta, os Legacy irão querer mostrar todo o seu potencial

 

"É com muito orgulho que nos juntamos à For The Win eSports e teremos assim o privilegio e a honra de inaugurar a secção de pro clubs nesta casa, que é reconhecidamente um dos maiores e melhores clubes de desportos eletrónicos portugueses. Os Legacy contam com 1 ano apenas, mas nas suas fileiras têm alguns dos jogadores mais experientes deste modo de jogo, e fruto disso conseguiram já uma Supertaça Portuguesa e excelentes prestações no ranking internacional da EA Sports, sendo a única equipa Portuguesa no FIFA 17 a figurar no top 10 mundial.

Fruto disso e também da evolução que o Pro Clubs está a ter a nível nacional, sabíamos que teríamos de tomar uma decisão para continuar a competir ao mais alto nível, decisão essa que passaria por assinar contrato com um clube real ou com um clube de desportos eletrónicos de renome. As ofertas de clubes foram diversas, os Legacy são reconhecidamente uma das equipas com mais potencial em Portugal, com alguns jogadores de grande nome. No entanto a ideia de nos unirmos a um clube nunca foi a nossa prioridade, pois as diferenças clubísticas fariam com que este grupo fosse destruído ou com que alguns não jogassem com amor à camisola, algo sempre difícil de gerir.

Foi então que um dos nossos jogadores (Nunobc) que representa a FTW na plataforma 1 vs 1 sugeriu uma conversa com o clube, pois sempre nos falou bem e disse que era muito bem tratado por alguém que, acima de tudo, sabe no que está inserido e que é justo. Devido a essa proximidade, tivemos uma breve conversa com o Dr. Ramiro Teodósio, que se mostrou um conhecedor nato do gaming (e isso é tão importante como escasso nos dias que correm), que respeitou a nossa história, e colocou à nossa disposição vários tipos de apoio que nos ajudarão a evoluir e a profissionalizar este nosso hobby, que tem-se tornado cada vez mais sério. A escolha foi óbvia e não foi dificil de chegarmos a um acordo que beneficiasse ambas as partes e é muito importante para nós sentirmos que temos um lider fora de campo sempre pronto a defender os nossos interesses.

A partir de hoje, não existem dois lados mas apenas um. É difícil prometer títulos, mas podemos prometer que a partir de hoje a FTW terá sempre 11 guerreiros em campo preparados para defender e honrar este camisola do primeiro ao ultimo minuto e que com toda a certeza os sucessos irão acontecer, fruto do nosso trabalho. Tudo faremos para engrandecer (ainda mais) este nome e sermos dignos da confiança que foi depositada em nós, pois também sabemos que não faltavam equipas com vontade de se afiliarem à For The Win." diz Marco "Markitos" Gonçalves, responsável dos Legacy

 

 

"Muitas foram as candidaturas que a FTW recebeu, porém nenhuma me convenceu tanto quanto a dos "Legacy". Certo é que com a mudança de paradigma a nível nacional e entrada da Federação Portuguesa de Futebol nas modalidades de futebol digital, muitas foram as ondas que se levantaram e também uma maior procura para as modalidades de FIFA 1vs1 e Pro Clubs. Quanto aos "Legacy" prezo a preserverança e paciência que tiveram nos vários "delays" que esta contratação teve. Certo é que, a FTW não iria tomar uma decisão destas de forma leviana e foi sem dúvida a persistência e dinamismo dos gestores da equipa que me convenceram, e, levou a que, fossem e sejam a equipa seleccionada pelo clube FTW. À luz do que sucedeu em FIFA, e reiteradamente noutras secções do clube, valorizo e valoriza este clube as pessoas, o que elas são e como são, pois que, de nada basta dizer-se "vamos ganhar tudo" ou "somos os melhores" e depois nada disso se verifica ou apenas um vazio fica. Muitas das vezes tomamos certos "statements" ou lêmos alguns, nos quais apenas vemos grandes alegorias e hipérboles que nem o melhor comediante do mundo se iria lembrar. Não sendo este o caso, e que nem disso este clube vive, viveu ou alguma vez viverá, cabe-me a mim, com humildade, agradecer as palavras tecidas a respeito do clube FTW e da minha própria pessoa, bem como, enaltecer toda a postura profissional que estes mesmos dirigentes tiveram desde a fase inicial. A estes e aos demais elementos da equipa, um bem haja. Desejo as melhores das sortes à equipa para a temporada 2017-2018, que passa assim a representar a FTW. "  diz Ramiro "Teodosius" Teodósio, FTW esports Club CEO. 

escrito por Diogo "FTWDiogoambf" Ferreira
13.09.2017
Omen by HPG2A .Com 2RazerTwitch
G2A novo
Grinding MindWAACMCT