Depois de algum período de calmaria marcado por um interregno competitivo em Portugal durante esta temporada, a equipa de Pokémon TCG da For The Win voltou em força para a reta final do circuito competitivo, apresentando profundas alterações na estrutura tendo em vista a futura planificação da temporada 2017/2018, ficando apenas com o jogador PRO e Campeão Nacional de 2015 David Ferreira e com o Coordenador de Secção Paulo Mimoso.

Desta forma a equipa decidiu a recrutar dois talentos de Grande Lisboa para dar qualidade e consistência à equipa – ficam aqui os breves perfis destes jogadores e do seu desempenho nesta temporada nas competições mais relevantes:

 Diogo “El Manager” Santos

  •  Top 32 Regional Sheffield, RU
  • Top 32 Regional Malmo, Suécia
  • Top 8 League Cup Madrid, Espanha

 

Gonçalo Ferreira

  •  Vice-Campeão Nacional 2016
  • Campeão Regional Sheffield, RU
  • Campeão Regional Malmo, Suécia
  • Top 32 Regional Birmingham, RU
  • Top 32 Regional Liverpool, RU
  • Top 16 Special Event Madrid, Espanha
  • Campeão League Cup Madrid, Espanha
  • Campeão League Cup Liverpool, RU
  • Campeão League Cup Lisboa, Portugal
  • Vice-Campeão League Cup Sevilha, Espanha
  • Qualificação assegurada para Dia 2 do Mundial 2017 via Top 22 Europeu

 

          

 “El Manager”, sempre com o seu característico fato em competições, ladeado pelo Gonçalo Ferreira nos dois Regionais em que este último se tornou campeão, em Sheffield e Malmo.

 

Espera-se assim novo rumo ao coletivo já com os olhos postos no Regional de Liverpool a decorrer de 29 a 30 de Julho, o primeiro da próxima temporada, ao qual se deslocarão o Paulo e o Diogo; e no ilustre Campeonato Mundial de Pokémon, em Agosto, onde o Gonçalo Ferreira entra diretamente na segunda fase de apuramento de Campeão através dos seus excelentes resultados logrados durante a época, sendo inclusivamente apenas um de dois representantes portugueses – o único residente em Portugal – na prova na modalidade de TCG.

Enquanto se debatem novas direcções para a equipa, foi também necessário manter o ritmo competitivo dos jogadores e muito serviu nesse aspecto a deslocação a Madrid, no último fim-de-semana de Junho, para participar no Special Event – o maior de que houve registo até hoje em todo o Mundo, com 159 Masters (divisão acima dos 15 anos) - a lutar por um lugar no Top Cut de 8 pessoas, a fase eliminatória para se determinar o Campeão, após 8 rondas no formato Swiss.

 

 

 

 

Paulo Mimoso acabou por ser o português a ir mais longe na competição, conseguindo a qualificação para o Top 8 no fim do Dia 1 do evento, pilotando um dos mais fortes arquétipos do metagame atual, Espeon-GX/Garbodor para um resultado sem registo de derrotas, com 5 vitórias e 3 empates durante as 8 rondas, atingindo o 5º lugar à partida para o Top 8; dois destes empates foram inclusive arrancados a um dos Top 4 e Campeão do evento, respetivamente o francês Simon Jouanolou (Metagross-GX) e o vencedor suíço Luca Clavadetscher (Greninja). Paulo não conseguiria ultrapassar o Top 8, no entanto, perdendo 2-1 à melhor de 3 contra o catalão Eduard Luque (Zoroark BREAK/Drampa-GX) no início do Dia 2. O artigo pessoal do Paulo, com report detalhado sobre a sua prestação no Special e com a descrição do seu deck, pode ser encontrado na língua inglesa em http://www.60cards.net/en/60cc/blog/user/763/article/1008.

 

 Tabela final do Dia 1 do Special Event de Madrid

 

Gonçalo Ferreira qualificou-se no 11º lugar, a apenas 1 ponto de se juntar a Paulo no Top 8, com o registo de 5 vitórias, 1 derrota e 2 empates, à frente do seu já trademarked deck Decidueye-GX (com variante mais inclinada para o donk, contendo Espeon-EX) apesar de não ter conseguido por pouco o acesso ao Dia 2, o Special Event foi igualmente muito bem sucedido para o colosso português, que com a posição no Top 16 e a possibilidade de ganhar mais CP (Championship Points) necessários para a qualificação para o Mundial no League Cup do Dia 2, uma competição secundária relativamente ao Special Event mas igualmente importante no que concerne às matemáticas do Gonçalo, logrou mesmo ganhar a competição, após 5 rondas de Best-of-1 escolhendo o mesmo deck do seu colega de equipa Diogo Santos (Decidueye/Vileplume), passando por mais 3 vitórias nas eliminatórias até à final, onde bateu o brasileiro Lucas Araújo (Zoroark/Drampa), assegurando desta forma o convite para o Dia 2 do Mundial através do Top 22 Europeu, algo que só está ao alcance aos melhores. Os nossos parabéns ao Gonçalo por tal feito.

 

 Gonçalo Ferreira e Paulo Mimoso lutam pela vitória na Ronda 3 do Dia 1 do Special Event

 

Diogo Santos, que jogou de Decidueye-GX/Vileplume infelizmente falhou o acesso ao Top 32, posição mínima para prémios e CP para o número de jogadores presentes, perdendo na última ronda decisiva contra outro português, Miguel Vicêncio (Solgaleo-GX/Metagross-GX), e terminando ainda assim com a pontuação notável de 4 vitórias e 4 derrotas. Porém, teve melhor sorte no League Cup de Dia 2, onde terminou no Top 8 após as 5 rondas complementares jogando de Greninja BREAK, depois de 3 vitórias, 1 derrota e 1 empate. A influência do Diogo, porém, estendeu-se além do campo, e “El Manager” fez jus ao seu nome, sendo vital para os bons resultados dos colegas de equipa Paulo Mimoso e Gonçalo Ferreira em ambas as competições, de um lado para a facultação de cartas essenciais para montar o deck do Paulo, e de outro para controlar os resultados dos oponentes com que jogou de forma a facilitar a via do Top Cut para o Gonçalo no League Cup.

 

 Tabela final do League Cup, o Side-Event do Dia 2, de Madrid

 

A experiência foi bastante positiva e um auguro de maiores fortunas no futuro próximo para a equipa For The Win Pokémon TCG, que enfrentará novos desafios aos quais, certamente, saberão responder da melhor maneira, dentro e fora da mesa de jogo. Fiquem atentos a novidades sobre as competições e às participações da equipa nos próximos tempos!

 

escrito por Diogo "FTWDiogoambf" Ferreira
25.07.2017
Omen by HPG2A .Com 2RazerTwitch
G2A novo
G2AGrinding MindWAACMCT